Dicas Para Conservação Das Suas Baquetas

Dicas Para Conservação Das Suas Baquetas

As características que devemos avaliar quando adquirimos um par de baquetas são:

  • Qualidade da madeira: Opte por madeiras sólidas e de boa resistência. Baquetas com qualidade devem ter densidade bem distribuída, isentarem-se de nós, furos, talhos, empenamentos, umidades ou outras imperfeições que possam comprometer sua utilização e durabilidade;
  • Fibras da madeira: Devem seguir uniformemente do cabo até a cabeça, sem apresentar farpas ou muita aspereza;
  • Peso: Deverá ser o mesmo dentro de um par, a não ser que seja um modelo de par específico – uma rara exceção! Esta característica influenciará no equilíbrio e na uniformidade dos timbres;
  • Comprimento e Diâmetro: Faça testes com diferentes modelos, e veja qual se adapta melhor às suas mãos e braços. Baquetas mais grossas são mais duráveis, porém não são indicadas para estilos musicais mais leves. Para o comprimento da baqueta, aconselha-se criar uma relação com a extensão dos seus braços e do kit de bateria. Baquetas mais compridas darão mais alcance, mas serão mais pesadas;
  • Pontas: As pontas de madeira proporcionam uma sonoridade natural e geralmente mais suave. Uma boa cabeça de madeira deve possuir circunferência bem definida e isentar-se de rachaduras ou fissuras na superfície. As pontas de nylon proporcionam mais brilho, principalmente nos pratos, e são mais duráveis. Uma boa cabeça de nylon deve estar muito bem fixada, ser sólida, sem rebarbas e formato bem definido;
  • Equilíbrio: Um par que proporciona equilíbrio, identificamos como “balanceado”. Ele possui peso uniforme, proporcionando melhor controle, mesmos ataques e rebotes entre as baquetas e timbres pelo menos parecidos;
  • Sensação: Segure as baquetas da mesma maneira que você as utilizaria para tocar na sua bateria. Role, percuta cada baqueta em uma superfície mais dura, como num balcão ou numa mesa. Perceba a sonoridade e a vibração deste par. Não adquira baquetas que soem ocas ou rachadas e  que estejam tortas. Sinta se este par proporciona-lhe o desejado, como conforto, controle, sensibilidade, sonoridade, volume e boa aderência. Uma boa baqueta deverá atender pelo menos a maioria destas qualidades;
  • Baqueta Assinada: Se você encontrou na loja aquele modelo especial desenvolvido pelo seu baterista preferido e quer experimentá-lo, lembre-se que as medidas devem ser exatamente aquilo que foi divulgado, porém o resultado na utilização poderá ser uma peculiaridade sua. Tudo depende da sua maneira de tocar, ou seja, sua “pegada”. Aliás, mesmo com todas essas dicas, a escolha por um modelo de baqueta será muito pessoal. Existem vários bateristas profissionais e famosos que usam até 3 modelos diferentes. Fique esperto na sua escolha, para que seu modelo esteja disponível na próxima aquisição;
  • A Liverpool é líder no mercado pelo excelente custo-benefício!
Liverpool 2016.

Desenvolvimento GETCON.